Parceiros

Saiba como cuidar da sua pele


Proteger-se antes de tomar sol evita o envelhecimento precoce da cútis

 

Pessoas com a pele clara precisam ter atenção redobrada com o sol / Shutterstock
Pessoas com a pele clara precisam ter atenção redobrada com o solShutterstock
 
 

Veja também

 

Cada tipo de pele precisa de uma forma de tratamento. Além das temidas expressões faciais, o câncer de pele pode ser outra consequência desagradável da exposição ao sol sem proteção adequada ou até mesmo sem fator nenhum.

 


“Peles mais claras são mais propensas ao câncer de pele, pois têm menos melanina, que é o que a protege de danos do sol. Quanto menos melanina você tem, menos proteção você tem do sol e maior é o risco de câncer de pele”, explica a especialista em pele Michelle Moyer.


Mesmo tendo essa desvantagem quanto à doença, as peles claras são mais resistentes a tratamentos dermatológicos. “Ao escolher tratamentos de pele como peelings químicos, tons de pele mais claros podem tolerar procedimentos mais agressivos, porque eles estão ligados à ancestralidade em região polar e podem aguentar condições mais severas,” fala Michelle.  



As peles mais escuras se livram da alta propensão ao câncer, mas sofrem mais com procedimentos estéticos. “Elas têm maior risco de hiperpigmentação de tratamentos faciais, tons mais escuros de pele estão ligados à ancestralidade na região do equador, e podem não tolerar a inflamação, se ocorrer uma queimadura,” conta a especialista. 



Independentemente do tom da pele, o cuidado é sempre bem-vindo. Estar sempre atento às mudanças e usar sempre protetor são medidas de prevenção tanto para peles escuras como para as mais claras. 


A tabela de classificação Fitzpatrick Skin Type dá a indicação de tom e proteção a partir das características de cada pessoa. Confira:

Clara
Quem tem fios claros e olhos verdes, azuis ou castanhos tem maior sensibilidade ao sol. Com alto risco de queimaduras e de apresentar câncer de pele, o ideal é que se exponha antes do meio-dia e depois das cinco, durante uma hora. Já quem tem pele, olhos e cabelos muito claros só pode se expor durante vinte minutos.  

Natural 

Para os que têm a pele de uma cor mais acentuada, cabelos escuros e olhos claros ou escuros, as queimaduras podem ser ocasionais. Sensíveis à exposição solar e propensos ao câncer de pele, a melhor hora para ir à praia é antes do meio-dia e após as quatro. Não devem ficar mais de duas horas tomando sol.



Morena 

Pessoas que têm a pele naturalmente bronzeada, olhos e cabelos escuros também devem ter atenção com os raios solares. Mesmo não tendo sensibilidade ao sol podem ter queimaduras se a exposição for por mais de duas horas. Antes do meio-dia e depois das quatro da tarde o banho de sol é liberado para essa turma.



Negra 
Essas sim podem relaxar um pouco. Peles morenas e negras raramente apresentam queimaduras, e a chance de ter câncer é baixa. Quem tem cabelos e olhos escuros precisa dosar a exposição com moderação, podendo ficar até seis horas tostando. Evitar do meio-dia às quatro, as demais horas estão liberadas.

Fonte: Band



Cadastro
Receba em seu e-mail onde ocorrerão as melhores baladas.
  
Horóscopo
Descubra o que os astros reservam para você.
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
O que você esta achando administração da presidente Dilma Rousseff
Ótimo
Bom
Péssimo
Regular
Publicidade
Fale conosco
E-mail: jornal.coruja@hotmail.com
Cel. 12 98271-4123 / 12 98289-6973